Gerenciamento de imobiliária: Gestão de carteiras

Contato
Gestão de carteiras de uma imobiliária Rosalvo Barreto

Gerenciamento de imobiliária: Gestão de carteiras

Gerenciamento de imobiliária: Gestão de carteiras

A chave para uma melhor gestão de carteiras dos seus clientes, com toda certeza, é organização. Mas nem sempre essa tarefa é muito fácil ou simples de ser realizada para quem é dono de uma imobiliária.

Ultimamente, tem sido cada vez mais difícil convencer pessoas a comprar ou investir em imóveis. Mesmo quando estão convencidos e prontos para adquirir o seu, as empresas imobiliárias acabam por enfrentar um mercado bastante competitivo.

Manter uma boa gestão de carteiras, principalmente quando pensamos no ramo imobiliário, é um tremendo desafio. Pode ser ainda pior caso você não saiba o que está fazendo. Portanto, prepare o seu notebook para escritório e se atente às informações deste artigo.

Diferente do que muitas pessoas e corretores pensam, uma gestão de carteiras bem organizada não é apenas um documento ou planilha onde você compreende em que etapa ou passo cada possível comprador está. É muito mais do que isso.

Uma boa gestão de carteiras de clientes envolve informação de qualidade, critérios de catalogação além de estratégias eficazes para facilitar o trabalho e ser ainda mais efetivo. 

Pensando nisso, este conteúdo explicará como fazer isso e se manter organizado com seus leads. Acompanhe!

Como organizar a sua carteira de clientes?

Assim como as reformas de casas precisam de cuidado, planejamento e esmero na hora de tomar decisões e colocar cada coisa em seu devido lugar, a gestão de carteira de clientes deve ser igualmente pensado para se extrair o maior proveito possível.

Portanto, algumas alternativas podem ser seguidas para melhorar a organização de uma carteira de cliente e melhorar sua gestão. Elas podem te dar informações rápidas, precisas, e separar as informações de forma eficiente, cada uma em seu devido lugar.

1 – Faça uma boa segmentação

Separe os principais clientes de forma que consiga entender em que grupo eles se encaixam. Isso te ajudará a ter uma visão geral da situação de cada um. Além disso, melhora a classificação de futuros clientes. Você pode segmentá-los por:

  • Tipo de imóvel;
  • Região de interesse do cliente;
  • Dinheiro investido até o momento;
  • Período de negociação;
  • Tamanho do imóvel;
  • Dinheiro investido até o momento.

É possível criar outros segmentos, mas esses podem te ajudar e dar um norte caso você não saiba onde começar. Caso necessário, sente-se em uma cadeira em qualquer sala reunião pequena e discuta com pessoas de interesse sobre a melhor forma de organizar.

2 – Faça uso da tecnologia a seu favor

Hoje em dia, a tecnologia está em constante avanço e diversos softwares das mais variadas funções e utilizadas surgem, podendo ou não ser úteis, dependendo do local onde são usados, do ramo onde são aplicados e do objetivo de cada empresa.

No ramo imobiliário, muitos corretores optam por utilizar esses aplicativos para facilitar o trabalho e deixá-lo mais rápido e dinâmico. Além disso, evita possíveis erros humanos que possam acontecer devido a nossas falhas.

Tais softwares são usados desde trabalhos com gestão patrimonial, até mesmo gestão de carteiras de clientes, afinal, eles trazem diversas novas funcionalidades que podem te ajudar e que, talvez, você nem tenha pensado nisso.

Com a internet e a tecnologia avançando tão rápido e diariamente, logo as antigas formas de gerenciar tudo pelo Excel ficarão para trás. Portanto, se adapte ao novo e as facilidades que o mundo moderno nos traz.

3 – Qualidade é mais importante do que quantidade

Normalmente, principalmente quando se fala de negócios, o pensamento mais comum é o famoso quanto mais melhor. Mas, no ramo imobiliário, isso não necessariamente é verdade. 

Dependendo da sua estratégia de mercado, isso se aplica até mesmo em ramos fora do imobiliário, como o de paisagismo piscina

Ter menos clientes significa que eles serão mais fiéis e que você pode concentrar os seus esforços neles, dando mais atenção, podendo tirar dúvidas a todo momento e fazer atendimentos e visitas personalizadas para eles, ganhando mais confiança e relevância.

Quando se tem muitos clientes, suas ações são mais dispersas e todo o trabalho pode parecer mais genérico. Isso pode causar o descontentamento do cliente e perder uma possível negociação, além de perder credibilidade no mercado.

Como aumentar a captação de clientes para a carteira?

Tão importante quanto saber gerenciar a sua carteira de clientes é trazer clientes para ela. Até porque sem clientes não tem negócio, nem lucro e nem mesmo uma carteira para poder ser gerenciada.

Algumas estratégias são utilizadas e iremos abordar um pouco sobre elas neste tópico, e mesmo que seja tentador o uso de um carimbo empresarial para utilizar nos contratos, saiba que é fundamental ter um ótimo relacionamento com os clientes.

Tenha boas relações

Assim como acabamos de exemplificar anteriormente, ter boas conexões é essencial para qualquer negócio, empresa ou organização que queira crescer, ser mais relevante e ter mais autoridade em seu mercado de atuação.

Como dono de uma imobiliária ou como um corretor de imóveis, você não deve ser diferente. Primeiramente porque nada impede de você ser colega de um concorrente, afinal, todos somos pessoas e temos objetivos e vontades.

Porém, desde o dono de empresa ao porteiro e o gari podem ter informações valiosas e que podem ser utilizadas, seja para convencer um cliente sobre a importância de placas informativas personalizadas no imóvel ou novas formas de persuadi-lo.

Disponibilidade é a chave 

Estar disponível para conversar com o seu cliente, tirar dúvidas e marcar reuniões é essencial para aumentar a captação para a sua carteira de clientes. Pois, não é qualquer coisa que está sendo negociada, mas sim, um imóvel.

Oferecer apenas um número para contato é uma armadilha e pode te afastar do cliente, um terrível erro. Por isso, se possível, tenha dois chips, ofereça seu número de WhatsApp e contato por redes sociais. Provavelmente, isso já será mais do que suficiente.

Seja um profissional flexível

Desde a utilização de convites personalizados até mesmo entender o lado da empresa e do cliente, um profissional flexível deve sempre procurar entender ambos os lados e tomar uma decisão que ajude as duas perspectivas de igual forma.

Pode não agradar ambas, mas o importante é ter flexibilidade para dosar o que o cliente quer e o que a sua empresa precisa. 

Ambos os lados se beneficiam, principalmente por serem ouvidos e conseguirem colocar as vontades e ideias sobre a mesa.

É muito mais fácil para um profissional e uma empresa conseguir novos clientes assim do que um negócio que não abre mão de nada e que tudo tem que ser daquela forma, como se fosse talhado em pedra.

Por que ter uma carteira bem gerida

Como vimos, são inúmeros os fatores que podem interferir uma gestão de carteiras. Todos devem ser levados em consideração para que o trabalho seja mais eficiente e valorizado.

Atentar-se a todos esses detalhes não só beneficia a imobiliária, também aumenta a confiança do cliente sobre o serviço prestado. Afinal, ele conseguirá enxergar o profissionalismo do seu negócio e que você está ali para resolver o problema dele.

Infelizmente, o que mais acontece atualmente são empresas que querem apenas lucrar em cima do cliente e deixam isso estampado. Isso cria uma certa antipatia pela comunidade que, no final, só querem adquirir o produto e ser bem atendidos.

Dê a devida atenção para como lida com esse gerenciamento, como atende os clientes e como entrega o seu serviço. Faça isso para que a qualidade nunca caia, e você continue relevante perante às pessoas e do mercado em que atua.

Considerações finais

Neste artigo, foi possível compreender um pouco melhor a complexidade de uma gestão de carteiras de clientes no ramo imobiliário. Também aprendemos o quanto isso pode impactar o seu negócio e diversas formas de captação de possíveis leads.

É interessante que cada imobiliária tem uma forma única de atender o cliente. Caso você acredite que não tenha ainda, é bom começar a estudar o que tem feito. Assim, sua empresa se destaca no mercado e cria mais autoridade.

É um fato que todos os ramos estão cada vez mais competitivos. É necessário que todos utilizem os meios que tem a seu alcance para criar um diferencial e ser mais atraente para o público, seja na forma de negociar, atender ou conduzir o negócio.

Como dono de uma imobiliária, utilize as informações disponibilizadas para adaptar a realidade da sua empresa e conduzir toda essa estratégia da forma que for mais produtiva para o seu negócio e acompanhe as mudanças.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe esse Artigo

Rosalvo Barreto

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *